terça-feira, 26 de agosto de 2008

Com medo de roubo, mineira deixa recado em carro

A administradora de empresas Flávia Alcântara, 34 anos, moradora do Bairro Santa Tereza, na região leste de Belo Horizonte, encontrou uma forma diferente para evitar que o carro dela, um Fiat 147 ano 1984, entre para as estatísticas de carros roubados das grandes cidades brasileiras.
Nos vidros do veículo, ela afixou cartazes com as seguintes frases: "Seu ladrão, favor não roubar; carro sem bateria; carro sem estepe, carro problemático, obrigada pela atenção".

No inicio deste mês, um "gatuno" tentou roubar o automóvel, mas depois que viu que o recado fazia sentido, "ele deixou dentro do carro uma nota de um real. Deve ter ficado com dó de mim," explica.

Por enquanto a estratégia da administradora tem dado resultado. Desde que colocou os recados para os ladrões, o carro continua no mesmo local. Ela garante que o motivo é a gentileza das frases nos cartazes.

"Apesar de ser um ladrão, ter essa profissão, ele é um ser humano, a gente tem que ter respeito por ele. E também porque o recado avisa do esforço desnecessário que o ladrão vai fazer para roubar este carro desse jeito", conclui.


Nenhum comentário: